terça-feira, 5 de abril de 2011

Lasanha de salmão com espinafres

              Em época de avaliações, cansadíssima, com poucas horas de sono, chego a casa com vontade de cozinhar. Sem Bimby, no fogão, à moda antiga, mexendo pacientemente. É esta a minha terapia.



             Ingredientes:

             400 g de espinafres

             350 g de restos de salmão grelhado, em lascas

             2 colheres (de sopa) de azeite

             Placas de lasanha (frescas)

             Pão ralado aromatizado com coentros

             Queijo ralado (usei uma mistura de queijos, que incluía queijo azul)


             Ingredientes para o molho Béchamel:

             750 g de leite

             40 g de manteiga

             75 g de farinha

             Sal, pimenta e noz moscada

             Num wok, pus 2 colheres de azeite e o alho, picadinho. Quando começou a alourar, juntei os espinafres e deixei saltear. Adicionei o salmão e deixei cozinhar uns 5 minutinhos, mais coisa menos coisa. Reservei.
            Entretanto, na Bimby (pronto, confesso, afinal usei-a para o molho), coloquei o leite, a manteiga, a farinha, o sal e a pimenta e programei 8 minutos, 90 graus, velocidade 4.
            Num pirex, montei a lasanha, pela seguinte ordem: mistura de salmão, Béchamel, placas de lasanha, repetindo as camadas enquanto havia ingredientes (gosto de mais camadas, mas como não tinha muito recheio, só consegui duas de cada – deveria ter usado um pirex menor). Sobre a última camada de massa, coloquei queijo e finalizei com pão ralado aromatizado com coentros.
             Levei ao forno a gratinar e servi, acompanhada com salada e um copo de vinho tinto, que o meu filho fez o favor de entornar no tapete da sala de jantar.

                                                                                      Ilídia

3 comentários:

Susana disse...

Adorei a lasanha agrada-me todos esses ingredientes, o pior mesmo foi o tapete que ficou todo sujo:)!!!

Beijinhos e até amanhã.

Receitas ao Desafio disse...

Esta lasanha merece pontuação máxima, pois mais uma vez o peixe sai valorizado e tenho a certeza de que o sabor é divinal. Bjs, PMT.

3 B's disse...

A lasanha ficou com boa cara.
Quantos aos iogurtes talharem,talvez seja da temperatura do leite, se estiver muito quente não fermenta, pelo contrário, os bichinhos morrem com altas temperaturas. Sempre morno, e, os frascos pelo menos 8h na iogurteira e as tampas só se colocam quando termina o tempo. Espero ter ajudado.