sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Ratatouille com crumble


Quando estava no 7º ano, logo nas primeiras aulas de Francês, a minha professora levou-nos algumas curiosidades de França: perfumes, queijos (horríveis, cheios de bolor, pensei eu na altura, com o meu palato infantil ainda pouco educado… mal sabia que, dali a não muitos anos, alguns daqueles queijos estariam entre as minhas preferências gastronómicas...). Lembro-me de ter falado de algumas especialidades francesas: o Coq au vin, a Bouillabaisse, o Canard à l’orange e… o Ratatouille. Gostei de tal maneira dessas aulas, da melodia da língua e da cultura francesa que cheguei a casa e disse aos meus pais: “Já sei o que quero ser quando crescer: professora de Francês.” Este desejo acabou por se concretizar (pelo menos durante algum tempo).
Mas voltemos à gastronomia francesa, mais precisamente ao Ratatouille, prato recentemente bastante divulgado através do filme Ratatui, delicioso como o prato homónimo. Esta receita é uma variante do tradicional prato provençal, que combina o aroma dos legumes e ervas aromáticas com o crocante do crumble, que conhecia apenas da sobremesa Apple crumble, de origem inglesa.
Apesar de eu o servir sempre como acompanhamento, os franceses servem-no frequentemente como prato principal, acompanhado com um pedaço de baguete.

Ingredientes:
120 g de cebola cortada ao meio
1 chalota (quando não tenho, não coloco, e não faz grande falta)
2 dentes de alho
20 g de azeite
200 g de courgette cortada às rodelas de 1 cm
300 g de beringela cortada em cubos
300 g de tomate fresco em pedaços
100 g de pimento encarnado cortado em pedaços
1 colher (de sopa) de mistura de ervas secas (ex.: tomilho, rosmaninho, orégãos, manjericão, salsa) ou de Ervas da Provença
1 colher (de chá) de sal
2 pitadas de pimenta preta moída na altura
Preparação:
Colocar no copo a cebola, a chalota, os dentes de alho e picar 7 segundos/ velocidade 5. Com a ajuda da espátula, fazer descer os resíduos da parede do copo.
Juntar o azeite e programar 5 minutos/ varoma/ colher inversa.
Juntar os legumes, as ervas, o sal, a pimenta e programar 20 minutos/100 graus/ colher inversa. Reservar.
Sem lavar o copo, colocar 150 g de farinha, 75 g de manteiga (cortada em pedaços),  1 colher (de chá) de sal e ervas aromáticas (opcional) e programar 50 segundos/ velocidade 3.
Deitar o Ratatouille num pirex ou assadeira, deitar o crumble por cima e levar ao forno pré-aquecido 220 graus, durante cerca de 20 minutos, ou até o crumble ficar dourado.
Fonte: Cozinhar à Minha Maneira, Vorwerk

Deixo-vos o trailer do filme. Recomendo ambos, prato e filme.
Bon appétit!
Ilídia






1 comentário:

PC disse...

Que bom aspecto amiga!
Adorei o ratinho!
patrícia