terça-feira, 2 de outubro de 2012

Moelas estufadas

Sempre gostei de moelas: na canja, estufadas...  A primeira versão, é fácil de fazer; já a segunda, nem por isso.
Pelo menos, era assim que eu pensava. Até chegar um dia, em que me atrevi a estufar moelas.
O resultado? Uma delícia.
O meu marido é o fã nº1 e, segundo a experiência deste fim de semana, o meu filhote vai passar à frente do pai ;) Com a falta de apetite que tem tido ultimamente, não "deixou migalha", mesmo depois de comer a sopa!!
Se não souberem fazer, experimentem, pois é muito fácil.



Ingredientes:
1 kg de moelas frescas
1 cebola
5 dentes de alho
azeite q.b.
colorau q.b.
sal q.b.
1 malagueta seca (ou em grão, como diz na embalagem)
vinho branco q.b.




Preparação:
Começo por limpar e lavar as moelas, em água quente corrente (para quem mora na Terceira, compro sempre no Talho Amigo, no Mercado Municipal Duque de Bragança - vêm praticamente isentas de pele e de gorduras!).
Faço o refogado com a cebola e os alhos picados em bastante azeite. Deixo alourar um pouco e junto as moelas. Tempero com sal, colorau (para dar cor) e a malagueta partida em dois. Tapo a panela e deixo cozinhar um pouco, para libertar os sucos.
Ao fim de algum tempo, destapo, mexo e cubro as moelas com vinho branco (atenção: só até ao limite superior das mesmas, caso contrário o molho fica muito líquido e com um sabor demasiado acentuado a álcool). Tapo novamente e deixo cozinhar em lume alto, mais ou menos meia hora. No final desse tempo, mexo outra vez, provo, retifico os temperos se necessário, baixo o lume, para o mínimo, e deixo cozinhar mais ou menos 1 hora (ou até ficarem tenras).
 
Servi com arroz branco, feito na Bimby (receita na página 70, do Livro Base), bem regadinho com o molho espesso e aveludado.
 

Bom apetite.

Beijinhos.

Maria
 
 
 

5 comentários:

Ana Rita disse...

A sugestão surpreendeu! Parece muito bom!
Beijinho

Ondina Maria disse...

Maria

estou em extase. Adoro moelas estufadas mas foi coisa que nunca fiz. Primeiro porque não sabia como, se bem que isso não é desculpa pois qualquer pesquisa no google dá inumeras receitas. Segundo, porque deve ter sido preguiça. Mas agora que me apareceu esta receita bem na frente dos olhos, acho que não há mais desculpas :)

Cidália disse...

Moelas é o meu petisco favorito.
Beijinhos

Receitas ao Desafio disse...

Ondina: se gosta assim tanto deste petisco, toca a arregaçar mangas, pois não é nada difícil!!
Um beijinho para si e outro para a Ana Rita e Cidália.
Maria

foodwithameaning disse...

Maria,
Este é o petisco favorito do meu marido. Eu deixei de as fazer porque nunca consegui que a minha receita superasse a dele. Ficam uma tentação.
Talvez experimente a tua receita. Quem sabe eu consiga assim bater a receita dele. De aspeto ficaram tal e qual as que ele faz.
Beijokas!