segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Preparar o inverno

Olá! Estou de volta, depois de umas semanas de descanso. Voltei cheia de vontade de cozinhar, ao contrário do que acontecia antes de ir de férias. Mas é para isso mesmo que as férias servem. Para nos revigorarem. Como a minha horta continuou a produzir tomates durante a minha ausência, que os meus pais iam colhendo e guardando, resolvi fazer molho de tomate. Assim terei sempre molho pronto a utilizar, quer seja em pizzas, massas ou outra receita qualquer. Antes de ir de férias, tinha feito tomate seco, cuja receita também partilho convosco. Beijinhos, Ilídia



Molho de tomate
(Receita retirada da revista Bimby - Momentos de Partilha, Julho de 2008)

Ingredientes:
2 cebolas
2 dentes de alho
1 cenoura
40 g de azeite Virgem Extra
1 kg de tomate maduro sem pele (na receita original, com pele)
10 g de vinho
1 colher de chá de orégãos
1 colher de chá de sal
1/2 colher de chá de pimenta

Preparação:
Coloque no copo as cebolas, os alhos, a cenoura e programe 5 segundos, velocidade 5.
Adicione o azeite e refogue 7 minutos, 100 graus, velocidade 1. 
Adicione os restantes ingredientes e programe 20 minutos, 100 graus, velocidade 2.
Se desejar, triture 30 segundos, velocidade 7.
Deite de imediato em frascos esterilizados.

Nota: Rendeu 3 frascos médios.

Tomate seco
(Receita retirada do blogue http://elvirabistrot.blogspot.com)

Ingredientes

- 1,5 kg de tomate maduro mas sem defeitos
- 1 haste de tomilho picado (não usei)
- 1 haste de alecrim picado
- 1 raminho de mangericão picado
- sal & pimenta
- açúcar q.b.
- azeite q.b.

Receita tradicional

Lavar muito bem os tomates e cortá-los em metades no sentido longitudinal. Remover as sementes.

Colocar os meios-tomates em cima de uma tábua de madeira, com a parte redonda virada para baixo. Temperar com sal, pimenta e as ervas. Polvilhar com um pouquinho de açúcar.

Cobrir com uma peneira, sem que esta toque no tomate.

Expor a tábua ao sol. Gardar a tábua em casa à noite e por tempo húmido. No dia seguinte, voltar novamente a expor a tábua ao sol, virando os meios-tomates.

Repetir a operação todos os dias, até os tomates ficarem bem secos e eliminando os que eventualmente estiverem estragados.

Colocar os tomates em frascos e cobrir com azeite. Fechar hermeticamente e guardar num local escuro e seco*.

Receita rápida

Pré-aquecer o forno a 130ºC. Cortar os tomates em metades no sentido longitudinal e remover as sementes.

Cobrir a grelha do forno com papel vegetal ou uma folha de alumínio alimentar. Colocar os meios-tomates com a parte cortada virada para cima. Pincelar com uma mistura feita de 1 pitada de açúcar, um pouco de ervas picadas, sal e pimenta.

Colocar a grelha no interior do forno e deixar o tomate secar por 3 horas, a 130ºC, com a porta entreaberta.

Deixar arefecer por completo e colocar em frascos herméticos, cobrindo com azeite. Conservar num lugar escuro e seco.

* nunca no frigorífico, porque senão o azeite coalha

Nota: Comecei por fazer a receita rápida, mas o meu forno, com a mania que é inteligente, desligou-se por a porta estar entreaberta. Assim, continuei o processo segundo o método tradicional. Os tomates estiveram ao sol cerca de 5 dias. 


7 comentários:

Receitas ao Desafio disse...

Cada vez mais temos de rentabilizar os frutos da terra. Ainda esta semana uma colega de trabalho me ofereceu um balde de tomates. Que consolo. Ele foi sopa de tomate, que adoro, ao contrário da maioria das pessoas que conheço. Ele foram saladinhas umas atrás das outras. Nem me atrevi a fazer novamente ovos com tomate porque tenho um marido que não aprecia esta combinação. Os restantes limpei e congelei para uso futuro.
Mas, Ilídia, apreciei bastante as tuas sugestões. Serão os próximos destinos dos tomates que cá aparecerem.
Bj
Patrícia

Luísa Alexandra disse...

São óptimas ideias para aproveitar os ingredientes que agora abundam, mas que daqui a uns meses deixamos de ter frescos. Assim consegue-se ter sempre à mão.

Ginja disse...

Óptima ideia para aproveitar o que há agora em abundância e depois vai saber bem!
Um beijinho.

M. disse...

Ambas as receitas espectaculares!!! Tenho pena de não ter legumes assim com essa abundância, senão era bem capaz de fazer ;)))
Beijinhos e continuação de boas colheitas!
Madalena

Gisela disse...

Que excelente maneira de aproveitar o que a terra dá,na altura devida que sabe sempre melhor. E economiza-se bastante
Um beijinho

guida c disse...

A avó das minhas meninas também prepara uns frasquinhos com molho de tomate, feitos no verão e para usar no resto do ano e que guardo no congelador. Este ano vou pedir-lhe para fazer tomate seco com os maravilhosos coração de boi que abundam no quintal.

Receitas ao Desafio disse...

Olá. Fico contente por as minhas sugestões terem sido do vosso agrado. Beijinhos para todas. Ilídia